23 agosto 2019

Da embalagem à formulação de alimentos e bebidas, novos hábitos de consumo estão revolucionando o mercado. Descubra quais são eles
 
O consumidor atual está mais conectado do que nunca. Com uma extensa variedade de opções a um único toque na tela do celular, marcas devem se manter atentas para acompanhar o ritmo das mudanças e continuar entregando aquilo que os consumidores demandam. Mas quais tendências estão orientando os novos formatos de interação entre marca e público? E como elas impactam o setor de embalagens e de alimentos e bebidas?
 
Escolhas saudáveis
 
Em geral, os consumidores concordam que se manter saudável é vital e almejam um estilo de vida alinhado a essa expectativa. Contudo, sentem-se em constante conflito entre balancear aquilo que consideram uma alimentação saudável com opções que considerem saborosas. Alimentos com elementos naturais em sua composição ou que agreguem características funcionais são opções que começam a ganhar força na indústria, tendo a embalagem papel primordial para comunicar os atributos do produto em seu interior.
 
Ambientalmente amigável
 
Os consumidores têm consciência sobre o seu papel social e cada vez mais buscam contribuir com a proteção e preservação ambiental. Na indústria de alimentos e bebidas isso se traduz em escolhas por produtos fabricados a partir de fontes sustentáveis e seguras e por embalagens que sejam recicláveis – características que cada vez mais são observadas pelos consumidores e que precisam ser comunicadas nas embalagens.
 
Verdade nua e crua
 
Consumidores valorizam ao extremo produtos e organizações que tenham posicionamento autêntico e genuíno. Neste ponto as embalagens podem desempenhar papel importante como canal de comunicação, utilizando imagens e recursos textuais que deixem clara a composição do produto. A utilização das novas tecnologias, como QR code, também podem contribuir para uma comunicação mais rápida e direta e que esclareça os processos de produção daquele alimento.
 
Simples e agora
 
Com vidas agitadas e vivendo em ritmo acelerado, os consumidores dão preferência a produtos que estejam alinhados ao seu ritmo. A partir de agora, conveniência e acessibilidade passam a ser palavras-chaves no jogo. Na a indústria de alimentos e bebidas isso representou a ascensão da alimentação prática, com opções fáceis de cozinhar, de boa qualidade, práticas para consumo em qualquer ocasião e que tenham tempo reduzido de preparo.
 
Experiência acima de tudo
 
Os valores dos consumidores estão mudando. Pessoas estão deixando de adquirir “coisas” para comprar experiências que tragam felicidade e bem-estar, mesmo que elas tenham que pagar um adicional por isso. Embalagens podem desempenhar papel fundamental nesse cenário. Elas devem ser atraentes e capazes de gerar sensações como prazer e entusiasmo, elevando o nível de engajamento com o consumidor e o reconhecimento e fidelidade do público àquela marca.
 
Aspectos locais
 
O mundo está globalizado, mas isso não impede que marcas desenhem soluções que contem com componentes locais ou que possam se adaptar a determinadas regiões, ressaltando tradições, valores e sabores específicos. Marcas podem aproveitar essa tendência ao incorporar às suas embalagens recursos visuais e textuais que remetam ao local de distribuição do produto, bem como incorporar à formulação ingredientes típicos daquela região.
 
Novos contadores de história
 
A mudança na relação de poder e engajamento entre marcas e público abriu espaço para o surgimento de novos contadores de história: o próprio consumidor. Para fabricantes de alimentos e bebidas isso significa uma oportunidade para investir em produtos que respondam a estilos de vida específicos. Com a capacidade de auto expressão ganhando força, as embalagens podem ser customizadas a fim de entregar um toque mais pessoal ou para se enquadrar a valores específicos associados a alguns tipos de consumidores.
 
<< Voltar